Breaking News
recent

PCdoB demonstra insatisfação com escolha de petista para suplência de Otto

 

Foto: Assessoria de comunicação/PT Bahia
Foto: Assessoria de comunicação/PT Bahia

 

O PCdoB da Bahia não ficou satisfeito com a escolha do petista Terence Lessa, ex-prefeito de Ibotirama, para a suplência do senador Otto Alencar (PSD). Logo após a confirmação do nome, no domingo (10), o diretório do partido comunista emitiu uma nota à imprensa.

No comunicado, o PCdoB afirmou que é contra a indicação de mais um nome de um partido que já compõe a chapa majoritária. Além disso, a legenda nega que a indicação de Lessa tenha sido de forma unânime.

“O PCdoB, que pleiteia a indicação, não foi consultado, apenas comunicado de uma decisão que deveria ter passado por um debate na Federação (PT-PCdoB-PV) e pelo conjunto dos partidos da base aliada do governo do estado”, disse.

Conforme noticiado pelo bahia.ba ao longo dos últimos dias, o PCdoB havia indicado o vereador Augusto Vasconcelos para assumir a vaga. O edil é líder da oposição na Câmara Municipal de Salvador (CMS).

“Portanto, registramos a nossa insatisfação com o processo de decisão, o que não ajuda na boa relação das forças políticas que compõem a coligação e na condução da campanha”, completa o PCdoB na nota.

Confira a nota assinada pela Comissão Executiva Estadual do PCdoB na íntegra:

“A informação divulgada de que a indicação do nome do suplente teria sido de forma unânime não corresponde com os fatos. O PCdoB, que pleiteia a indicação, não foi consultado, apenas comunicado de uma decisão que deveria ter passado por um debate na Federação (PT-PCdoB-PV) e pelo conjunto dos partidos da base aliada do governo do estado. 
 
O PCdoB-Bahia é contra a indicação de mais um nome de um partido que já compõe a chapa majoritária. A chapa deve refletir o conjunto da participação das forças políticas que integram a aliança. 
 
Portanto, registramos a nossa insatisfação com o processo de decisão, o que não ajuda na boa relação das forças políticas que compõem a coligação e na condução da campanha”. 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.