Breaking News
recent

Médico de Safadão revela que hérnia gerou dano neurológico e quase deixa cantor com paralisia

 



Recentemente Wesley Safadão precisou se afastar dos palcos por causa de uma lesão na coluna. Na última quinta-feira (7), o cantor passou por uma cirurgia de emergência para retirar uma hérnia de disco.

Em entrevista ao jornal O Globo, o neurocirurgião Francisco Sampaio Junior, médico do cantor e responsável pelo caso, revelou que o quadro de Safadão se agravou drasticamente antes do procedimento.Segundo o médico, o cantor começou a apresentar dores nas partes íntimas, indícios de graves sintomas de um dano neurológico.

“Infelizmente, Wesley é uma exceção. Normalmente, os pacientes que têm hérnia de disco não precisam fazer cirurgias, pois as inflamações são absorvidas automaticamente pelo organismo em cerca de 4 a 8 semanas. Entretanto, na noite de quarta-feira, ele começou a se queixar novamente de dores nas partes íntimas e sentir as nádegas anestesiadas. Sintomas graves de um dano neurológico”, explicou o profissional.

O especialista explicou que o cantor estava prestes a ter “síndrome da cauda esquina”. A doença, grave, é causada pela compressão e inflamação do feixe de nervos na parte inferior do canal vertebral. A síndrome pode resultar em paralisia, incontinência intestinal, urinária e até perda de movimentos.

De acordo com Sampaio, caso o quadro chegasse a isso, Safadão poderia usar uma sonda ou bolsa de bolsa de colostomia pelo resto da vida.

“Ele poderia usar uma sonda ou bolsa de colostomia pelo resto da vida. Não havia mais nada a ser feito a não ser a cirurgia de forma muito rápida. Não podíamos esperar e arriscar. O quadro se agravava de uma forma que não é o habitual para uma hérnia de disco”, disse.

O neurocirurgião também detalhou que o artista tem alterações anatômicas que pioraram sua condição. Wesley Safadão faz parte do grupo de 15% da população mundial que tem a vértebra de transição, localizada entre as regiões lombar e sacral. Além disso, o cantor tem os canais vertebrados dos nervos muito curtos, o que o predispõe a ter danos neurológicos e a ter doenças severas nos discos”.

“Se ele não tivesse essa vértebra a mais, e consequentemente, não apresentasse esse canal estreito congênito, dificilmente ele teria o que está tendo agora”, pontuou o médico. Ele também revelou que a cirurgião do artista foi “trabalhosa” e “difícil”.

Em comunicado, a assessoria de Safadão informou que o cantor está bem e se recuperando. A agenda de compromissos do artista está cancelada até 10 de julho.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.