Breaking News
recent

Após revisão de laudos, caso de varíola dos macacos em Ilhéus é descartado

 

Foto: divulgação/Sesab
Foto: divulgação/Sesab

 

Dados atualizados pela Secretaria da Saúde do Estado nesta terça-feira (26) registram que a Bahia permanece com 5 casos confirmados de Monkeypox, a varíola dos macacos, mantendo a mesma quantidade de casos confirmados do dia anterior. Ressalta-se que após revisão dos laudos laboratoriais, todos os casos confirmados são residentes em Salvador, excluindo assim, a confirmação inicial do caso no município de Ilhéus.

Ao todo 38 casos suspeitos aguardam diagnóstico laboratorial. Eles estão distribuídos pelos municípios de Barra (01), Ibicaraí (02), Ilhéus (02), Laje (01), Lauro de Freitas (01), Mutuípe (03), Porto Seguro (01), Salvador (18), Santa Cruz Cabrália (01), Santo Antônio de Jesus (03), São Gonçalo dos Campos (01), São Miguel das Matas (01) e Vitória da Conquista (03).

Monkeypox é uma zoonose viral, do gênero Orthopoxvirus, da família Poxviridae, que se assemelha à varíola humana, erradicada em 1980. Os principais sintomas observados nos indivíduos infectados são febre, dor de cabeça, dores nas costas ou musculares, inflamações nos nódulos linfáticos, lesões na pele, que começam no rosto e se espalham pelo corpo, atingindo principalmente as mãos e os pés. A infecção é autolimitada com sintomas que duram de 2 a 4 semanas.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.