Breaking News
recent

BRASIL: ONDA DE FRIO PODE GELAR GRANDE PARTE DO PAÍS

 

chuva

Do “G1”

Oficialmente, o inverno começa no dia 21 de junho no Brasil, mas neste ano as baixas temperaturas vão ficar mais acentuadas mais cedo.

A chegada da onda de frio até motivou o surgimento de uma expressão curiosa no Twitter para se referir às baixas temperaturas previstas como “erupção polar” — termo que não existe na meteorologia, como explicaram especialistas consultados pela BBC News Brasil.

A partir de segunda (16/5), nas regiões Sudeste e Centro-Oeste, e de domingo (15/5), na região Sul, o frio deve estar mais forte do que normalmente é registrado em maio, segundo os principais serviços de meteorologia do país.

A onda de frio pode chegar até ao Norte do país, mas de forma menos acentuada.

A temperatura mínima prevista pelo Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) chega a ficar abaixo dos 10°C em diversas capitais, entre elas Brasília, Belo Horizonte, Cuiabá, Campo Grande, São Paulo e Florianópolis.

“Maio é um mês de Outono, ou seja, de transição climática. É normal que a partir da segunda semana do mês as temperaturas comecem a adquirir características de inverno”, explica o meteorologista Humberto Barbosa, professor do Instituto de Ciências Atmosféricas da Ufal (Universidade Federal de Alagoas) e coordenador do Lapis (Laboratório de Análise e Processamento de Imagens de Satélites).

“No entanto, neste momento realmente teremos um declínio de temperatura mais acentuado, abaixo da média que se espera para o período”, explica.
O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) aponta para o risco de geada no Sul e Sudeste e de friagem no Centro-Oeste. E cita até uma pequena possibilidade de neve nas serras gaúcha e catarinense.

Até onde (e quando) vai o frio intenso?
De acordo com a previsão do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), há condições para que boa parte dos Estados do Sul tenham temperaturas negativas entre os dias 16 e 20 de maio.

Já nas principais capitais do Sul e em algumas do Sudeste e Centro-Oeste, a temperatura mínima pode chegar a menos de 10º C. É o caso de Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Porto Alegre (RS), Goiânia (GO), Campo Grande (MS) e Cuiabá (MT).

Deve fazer frio também em Belo Horizonte (MG) e São Paulo (SP) — a previsão de mínimas abaixo de 10º C na capital paulista, aliás, é um dos fatores que mostram como o frio será atípico.

Já o Rio de Janeiro (RJ) e Vitória (ES) devem ter mínimas entre 17º C e 22º C.

Segundo as previsões, os fatores que trarão o frio atípico devem ir perdendo força entre 21 e 22 de maio, quando as temperaturas devem voltar ao que costumam ser neste mês.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.