Breaking News
recent

Greve de rodoviários, em Itabuna, completa uma semana

A greve dos rodoviários da cidade de Itabuna, completa uma semana nesta segunda-feira (10). Cerca de 50 mil pessoas estão sem ônibus na cidade. A paralisação começou no dia 3 de junho. Nesta segunda, nenhum ônibus circula pela cidade, mesmo com determinação da Justiça para que 30% da frota rode. Os rodoviários pedem reajuste salarial. Na última terça-feira (4), dia da ordem judicial, parte dos rodoviários chegou a trabalhar, mas, na quinta-feira (6), os funcionários suspenderem as atividades novamente porquê não receberam o salário do mês de maio. De acordo com a Associação das Empresas de Transportes Urbanos (Aetu), as empresas estão passando momento de dificuldade financeira, mas o pagamento dos salários está previsto para ser feito ainda nesta segunda-feira. Os rodoviários decidiram entrar em greve após assembleia geral da categoria, realizada no dia 31 de abril. Ao todo, 92 ônibus que deixaram de circular pelas ruas da cidade. Quatrocentos e quarenta motoristas e cobradores aderiram ao movimento. Na cidade, os coletivos costumam rodar das 3h20 até 0h40. Os trabalhadores querem reajuste salarial de 9% e 15% no ticket-alimentação. Durante a assembleia, a categoria chegou a apresentar uma proposta inferior, solicitando um reajuste de 5% no salário e 9% nos tickets, mas, ainda assim, os patrões não aceitaram. De acordo com a Associação das Empresas de Transportes Urbanos, os patrões fizeram uma proposta de reajuste salarial para a categoria no valor de 2%, mas os representantes dos trabalhadores eles não aceitaram.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.