Responsive Advertisement
Ludymilla Batista de Souza Neves, de 12 anos, morreu eletrocutada no Rosário, um distrito da cidade de Correntina, no norte do estado. De acordo com a família, o acidente aconteceu com um freezer que havia na casa da família.


Segundo reportagem do G1, o padrasto da jovem avistou a situação e tentou puxar a menina ao perceber a gravidade. No entanto, não conseguiu salvá-la pois também recebeu a descarga elétrica. O homem não soube identificar se a descarga saiu do freezer ou da tomada, mas desligou a energia e ligou para a esposa.

A mãe da jovem acionou a Polícia Militar, que foi até o local do acidente e pôde apenas constatar a morte de Ludymilla. O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Bom Jesus da Lapa, onde aguarda para passar pelo processo de necropsia para poder constatar a causa da morte, para em seguida poder ser liberado para sepultamento.

Post a Comment