Responsive Advertisement

 

Colaboradores do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, instituição administrada pela Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna (FASI), participaram  em Salvador, do Curso de Faturamento em UTI, leitos clínicos de retaguarda e seus processos.

Promovido pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (SESAB), através do Núcleo de Acompanhamento de Contratos (NAC/ DICON/SUREGS) da Superintendência de Gestão e Regulação da Atenção à Saúde, o curso aconteceu no Centro Administrativo da Bahia.

O objetivo foi atender as demandas do novo credenciamento do hospital para o financiamento dos serviços de UTI e leitos de retaguarda da urgência e emergência.

Eugênia Venet, Supervisora de Célula UTI e Retaguarda da NAC, com as técnicas Isadora e Lílian, ministraram o treinamento que abordou sobre fluxo a ser seguido para a validação e geração dos valores de pagamentos dos 10 leitos de UTI e seis leitos de retaguarda da urgência e emergência, avaliando o quantitativo apresentado e as informações da qualidade dos serviços prestados.

Participaram da capacitação, Adriano Gonçalves, coordenador de processos e projetos, Aleide Batista e Carolayne Santos do setor de faturamento, além de Érica Alexandrina, do setor de contas médicas da FASI.

De acordo com Adriano, o Hospital de Base possui metas a cumprir que incidem diretamente no valor a ser aprovado para o pagamento dos serviços prestados pela instituição. “A intenção é trazer essas informações para que possamos discutir com a equipe do Hospital de Base e capacitar os técnicos no fluxo para apresentar as informações de quantidade e qualidade para os serviços de leitos de UTI e retaguarda”, destacou o coordenador.

Vale lembrar que no final de 2023, o Governo do Estado, através da Secretaria de Saúde da Bahia (SESAB), credenciou a unidade hospitalar e vai passar a financiar os serviços dos referidos leitos do CTI II, sendo esta mais uma conquista na gestão do prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD).

Post a Comment