Responsive Advertisement

 

WhatsApp-Image-2023-07-10-at-09.05.34

Entre os dias 16 e 19 de julho, a 37ª edição do Congresso do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS) acontecerá em Goiânia (GO). É o maior evento de saúde pública da América do Sul e tem como tema deste ano “O SUS que Falta no Brasil”.

Itabuna foi uma das cidades selecionadas pelo Congresso para representar o Estado da Bahia com propostas que reafirmam o compromisso da gestão do prefeito Augusto Castro (PSD) com as melhorias no Sistema Único de Saúde (SUS). O objetivo do evento é propor aprofundamento e debate sobre novas estratégias para fortalecimento das ações que garantam a consolidação do SUS.

Com o projeto de autoria da enfermeira e coordenadora da Rede de Frio, Camila Brito, sobre o tema “Vacinação Itinerante: Uma estratégia que vai a sua porta”, Itabuna estará representada na Oficina Nacional do Projeto Imuniza SUS.

A oficina apresenta 450 trabalhos com estratégias de fortalecimento das ações de imunização nos territórios municipais. O projeto selecionado de Itabuna expõe a ação da “Vacina Móvel” que em 2021 levou vacinação aos bairros, por meio de uma sala de vacina adaptada em um micro-ônibus.

Já na “Mostra Brasil, Aqui Tem SUS”, que expõe 500 experiências exitosas que serão apresentadas e avaliadas por júri técnico, Itabuna será representada pelo projeto “Nós-Somos, Nós – SUS: Muitas Vozes, uma Ciranda” de autoria da enfermeira e apoiadora institucional da Atenção Primária, Dayse Santos, que objetiva o fortalecimento das políticas de equidade em saúde na agenda do Governo municipal.

A secretária municipal de Saúde, Lívia Mendes Aguiar, destacou a importância da participação no evento.

“É com muita honra que mais uma vez Itabuna é selecionada para o Congresso do CONASEMS, evento que tem visibilidade internacional e visa reconhecer os trabalhos exitosos que as secretarias municipais de saúde têm desenvolvido em seus municípios. Desta vez, fomos selecionados com mais de um projeto, o que reafirma o compromisso da gestão com as melhorias na rede pública de saúde da cidade”, afirmou.

Post a Comment