Responsive Advertisement

 

O Serasa é conhecido por milhões de brasileiros pelo seu papel fundamental na negociação de dívidas com a população. 1/4 da população brasileira está endividada, o que levou ao governo federal à pensar em uma forma de ajudar esta grande parcela dos brasileiros. Confira o que está por vir para os brasileiros:

Atualmente, o Brasil possui um número bastante elevado de cidadãos que encontram-se endividados e com o seu nome sujo na praça. Nesses casos, muitas pessoas já estão acostumadas com a presença do Serasa, que ajuda no parcelamento destas dívidas com a aplicação de algumas taxas.

Porém, a preocupação do governo é tanta, devido ao alto nível de pessoas com pendências financeiras, que foi necessário a criação de um novo programa que foi idealizado para acolher estas pessoas e ajudar na negociação destas dívidas. A medida foi anunciada nesta última segunda-feira, 05/06.

Agora, o povo brasileiro não precisa contar somente com o Serasa. Isto porque o novo programa do governo federal, o Desenrola Brasil, está sendo iniciado para ajudar as pessoas que possuem dívidas de até R$5 mil e recebem menos do que dois salários mínimos (R$2.640) mensais.

O plano é que o Serasa não possua um monopólio na opção dos cidadãos na hora de renegociar as suas dívidas. Então, se você se enquadra nos requisitos citados acima, confira agora novas informações sobre o programa que veio para limpar o nome de milhões de brasileiros.

• Como será o Desenrola Brasil, possível substituto do Serasa? •

Com previsão para iniciar no mês de julho, a medida foi instaurada para permitir que as pessoas que estão com o seu nome sujo tenho acessibilidade ao crédito, algo difícil após a criação de dívidas. Desta forma, os cidadãos que possuem dívidas até R$5 mil poderão dividir os valores em até 60x. 

Vale ressaltar que todas as pessoas que estão inscritas no Cadastro Único farão parte do grupo de beneficiários deste programa. Isto porque as pessoas inscritas no portal são comprovadamente de baixa renda e estão passando por um período de vulnerabilidade econômica e social.


Post a Comment