Breaking News
recent

Polícia prende influenciador Bruno Krupp por morte de adolescente no Rio de Janeiro

 

Foto: Reprodução/ Instagram

O modelo e influenciador Bruno Krupp, de 25 anos, foi preso preventivamente na manhã desta quarta-feira (3) pelo atropelamento que matou o adolescente João Gabriel Cardim Guimarães, de 16 anos, no Rio de Janeiro.

De acordo com o jornal ‘O Globo’, Krupp foi surpreendido por policiais da 16ª DP (Barra da Tijuca) em um hospital particular da Zona Norte do Rio, onde ele está internado.

Na decisão da juiza Maria Isabel Pena Pieranti, do plantão judicial do Tribunal de Justiça do Rio, é pontuado que o influenciador “não é um novato nas sendas do crime” e que sua liberdade “comprometeria a ordem pública, sendo sua constrição imprescindível para evitar o cometimento de crimes de idêntica natureza”.Krupp, que não tem carteira de habilitação, já havia sido parado por agentes da Lei Seca três dias antes do acidente que vitimou o estudante. Na ocasião, ele se recusou a fazer o teste do bafômetro e recebeu três multas, somando R$ 4 mil.

A ficha criminal do influenciador ainda inclui duas investigações, uma por estelionato e outra estupro.

A acusação de estupro foi registrada na Delegacia de Atendimento à Mulher de Jacarepaguá (Deam), por uma mulher que contou ter sido convidada para o apartamento do modelo. Em depoimento, ela conta que Krupp não atendeu aos seus pedidos para que ele parasse. O modelo nega.

A acusação por estelionato é referente a um caso que aconteceu em 2021, no qual o gerente de um hotel de São Paulo contou que o cartão de alguns clientes teriam sido recusados. Um dos clientes relatou que Krupp teria oferecido diárias no hotel a preços menores e que para isso acontecer, o pagamento deveria ser feito na conta de uma outra pessoa.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.