Breaking News
recent

Itabuna entre as cidades baianas com mais títulos cancelados

 

Salvador, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Itabuna e Ilhéus são as cidades baianas com o maior número de títulos de eleitor cancelados na Bahia. Juntas, elas somam mais de 580 mil pessoas com o documento inválido, ou seja, 6,3% do eleitorado baiano. Salvador ocupa o topo do ranking, com 377 mil pessoas, cerca de 20% do eleitorado da capital. No total, 2,3 milhões de eleitores na Bahia – o equivalente a 25% do eleitorado - estão com o título cancelado, por não terem feito a biometria do documento ou por não terem votado nos últimos três pleitos. Todos que estiverem com o título de eleitor cancelado precisam normalizar a situação até o dia 4 de maio, quando se encerra o cadastro do TRE-BA, a 150 dias das eleições, que ocorrem no dia 2 de outubro. Depois desse prazo, a pessoa fica irregular com a Justiça Eleitoral e não poderá votar nas eleições gerais de outubro de 2022. Além disso, elas perderão uma série de direitos civis, como conseguir empréstimo em bancos públicos, participar de concursos públicos, ingressar em instituições públicas de ensino, dentre outros. Como o atendimento presencial do TRE-BA está suspenso até 28 de fevereiro, por conta da pandemia da covid-19, o eleitor pode normalizar o título de forma remota, sem sair de casa. Ele tem três opções: resolver por telefone, pelo site do Tribunal ou pela inteligência artificial Maia, disponível no site e no Telegram (@maiatrebot). A central telefônica funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, através do número (71) 3373-7000.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.