Breaking News
recent

Lula lidera despesas do governo com ex-presidentes

 

Foto: Reprodução / Youtube
Foto: Reprodução / Youtube

 

Os ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva liderou em 2021 as despesas que o governo federal  tem com os mandatários que deixaram os seus cargos. O gasto é previsto em lei, e os dados abertos estão disponíveis no Portal da Transparência.

Até novembro do ano passado (período disponível), Lula custou 976 mil reais aos cofres públicos, um pouco acima dos gastos com a equipe de servidores que acompanha Dilma (963 mil) e Collor (962 mil).

No ano passado, os cofres públicos também custearam os gastos com funcionários de apoio a Michel Temer (835 mil reais) José Sarney (747 mil reais) e Fernando Henrique Cardoso (707 mil)

A maior parte das despesas é com salários. De acordo com a legislação, cada ex-presidente pode ter até oito servidores do governo à diposição de forma vitalícia: quatro seguranças, dois assessores e quatro seguranças, dois assessores e dois motoristas. Os gastos também incluem despesas com automóveis e viagens.

Depois dos salários (que variam de 2.701 reais a 13.623 reais), a segunda maior despesa com os ex-presidentes é com viagens (incluindo passagens aéreas e diárias). Neste quesito, Lula foi responsável pela maior parte das despesas, com 363 mil reais gastos — incluindo as despesas com a equipe que o acompanhou em sua última viagem à Europa, em novembro.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.