Breaking News
recent

Após sete dias esperando vaga de UTI, mulher morre em Ilhéus

 

Elenilza Pinto Batista, 62 anos, diagnosticada com pneumonia e derrame pleural, não resistiu e veio a óbito às 21h30 desta terça-feira (11) no Hospital São José, em Ilhéus, após esperar sete dias por uma vaga de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O filho, Fábio Batista Honorato, que é guarda civil municipal e psicólogo, chegou a usar às redes sociais para relatar o quadro de saúde de sua mãe, além de pedir às autoridades públicas uma vaga na UTI, que chegou a ser concedida na última segunda-feira (10), no próprio Hospital São José, mas, após dias de sofrimento e espera, a senhora não resistiu. O corpo de Dona Elenilza está sendo velado no Csfi, na Avenida Itabuna, e o sepultamento ocorre ainda hoje, às 16h, no cemitério ainda ser definido. Elenilza era viúva e deixa dois filhos. (Fábio Roberto)

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.