Breaking News
recent

Pix faz 1 ano com mais de 348 mi de chaves cadastradas e supera boletos, TEDs, DOCs

 

Pix faz 1 ano com mais de 348 mi de chaves cadastradas e supera boletos, TEDs, DOCs
Foto: Marcelo Casal Jr./Agência Brasil

  • A ferramenta de transferência de valores e pagamento Pix completa um ano nesta terça-feira (16). As últimas estatísticas divulgadas pelo Banco Central (BC), de setembro de 2021, mostram que as transações feitas por Pix superam as realizadas por boletos, TEDs, DOCs e cheques somados.
  •  
  • Neste um ano, a rápida adesão dos brasileiros ao sistema de pagamentos instantâneos surpreendeu as instituições financeiras, traz a CNN Brasil.
  •  
  • Para transferir valores de forma instantânea, o usuário deve ter uma conta bancária, entrar no  aplicativo do banco, cadastra uma “chave” – que pode ser um número de celular, o CPF, e-mail ou uma chave aleatória sugerida pelo banco – e realiza a transação, que faz o pagamento instantaneamente e sem exigir qualquer outra informação da conta que vai receber o valor.
  •  
  • O pagamento pode ser realizado a partir de uma conta corrente, conta poupança ou conta de pagamento pré-paga.
  •  
  • Segundo dados divulgados pelo Banco Central (até outubro), o Pix teve mais de 348 milhões de chaves cadastradas, sendo a maior parte delas, 121 milhões, a chave aleatória. Foram mais de 1.6 bilhão de transações neste primeiro ano.
  •  
  • As transferências entre novembro de 2020 e outubro de 2021 já movimentaram quase R$ 4 trilhões.

O município de Itabela registrou 75mm de chuva entre a noite de segunda (15) e a manhã desta terça-feira (16). — Foto: Imagem: Ubirajara Franco



as entre a noite de segunda (15) e a manhã desta terça-feira (16). Os municípios de Ilhéus e Itabela sofreram com as consequências do clima, com registro de alagamentos e desabamentos.

Em Ilhéus, uma casa desabou na Avenida Belmonte, no Bairro da Conquista. A residência, que estava desocupada, atingiu outras duas situadas na parte baixa do bairro. As casas foram invadidas pela lama e o impacto destruiu o telhado e os móveis. Apesar do susto, ninguém ficou ferido.

Segundo moradores da região, a casa que desabou apresentava rachaduras e vazamentos na estrutura. O responsável pelo imóvel disse que irá arcar com os prejuízos.

Já o município de Itabela registrou 75mm de chuva entre a noite de segunda (15) e a manhã desta terça-feira (16). De acordo com a Secretaria do Meio Ambiente do município, em novembro já choveu 170mm, mais do que todo o montante registrado em outubro , quando choveu 117mm.

Na região, o bairro da Bacia registrou alagamentos. Segundo a Secretaria Municipal de Assistência Social de Itabela, os moradores das áreas alagadas estão sendo acolhidos pelo Centro de Referência de Assistência Social (Cras)

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.