Breaking News
recent

Você conhece todas as vantagens do MEI? Saiba aqui!




Pensando em sair da informalidade e registrar seu negócio de acordo com a lei? Acredita que abrir uma empresa pode não ser tão difícil assim? Mas é verdade.

Já ouviu falar no Microempreendedor Individual (MEI)? Trata-se de uma modalidade perfeita para aquele que já é autônomo ou quer legalizar seu negócio. O MEI é um modelo mais simples e dá direito a benefício do INSS como aposentadoria por idade ou invalidez, salário-maternidade, pensão por morte e auxílio doença.

Os tributos são bem menores e não há tanta burocracia e sem ônus durante o processo de abertura da empresa. É preciso pagar um imposto mensal com um preço fixo. Para isso há um documento denominado DAS e o valor está diretamente ligado ao tipo de atividade que a empresa está inserida. Neste ano de 2021, a taxa fica entre R$ 55 e R$ 61 muito mais em conta do que outro tipo de empresa.

Quer saber mais sobre o assunto? Continue a leitura.

Lista de benefícios do MEI
O MEI foi criado através da Lei Complementar nº 128/2008, está em vigor desde 1º de julho de 2009 e já é o modelo mais comum de empresa adotado pelos brasileiros. Atualmente são mais de 10,7 milhões de MEI, de acordo com os números da Receita Federal.

O trabalhador terá muitas vantagens e benefícios que podem fazer diferença não só para ele como também para a sua  família. Vejamos quais são os benefícios que o MEI pode agregar:

Aposentadoria por idade

Ao se tornar um MEI, o trabalhador adquire o direito de se aposentar por idade. Mas para isso, vale lembrar, é preciso alcançar um número mínimo de contribuições que são exigidas pelo INSS. 

Aposentadoria por invalidez

Oferecido pelo INSS, a aposentadoria por invalidez ocorre em caso do trabalhador ficar incapacitado por alguma enfermidade ou ficar incapacitado permanentemente. Desta forma não poderá mais exercer sua atividade e prover seu sustento. Aí ele poderá fazer uso deste benefício, após passar por uma perícia médica.

Para acessar esse benefício é preciso atentar a algumas regras específicas como é o caso da aposentadoria por idade.

 Auxílio-doença

Outro benefício é o auxílio-doença que o MEI dá direito. Deve ser solicitado quando o trabalahador fica temporariamente incapacitado de exercer seu trabalho por motivo de doença ou acidente. Para ter acesso a esse benefício, é preciso ter pago pelo menos 12 boletos do DAS.

Salário-maternidade

O salário-maternidade é o benefício concedido à pessoa que se afasta temporariamente de sua atividade, por motivo de nascimento de filho, adoção ou guarda judicial para fins de adoção de criança com até 8 anos de idade. Neste caso é preciso ter contribuído ao menos 10 meses em dia até a data do parto ou da adoção.

Pensão por morte

A pensão por morte é benefício concedido aos dependentes do MEI que por ventura vierem a falecer. Para o familiar ter acesso é preciso uma contribuição mínima de uma parcela em dia antes do óbito.

Auxílio reclusão

Este auxílio é destinado aos parentes dependentes do  MEI, a fim de que recebam um auxílio mensal no caso de reclusão tanto em regime fechado ou semiaberto. Para ter direito é preciso contribuir ao menos ter em dia uma parcela antes da prisão.

Vantagens de se formalizar como MEI
Além dos benefícios relacionados à Previdência Social, os inscritos no MEI também passam a ter direito a uma série de vantagens que vamos listar a seguir.

Adquirir veículos com desconto no CNPJ

O trabalhador inscrito no MEI têm desconto de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) ao comprar um veículo 0km.

Linhas de Crédito

Outra vantagem é ter a possibilidade de obter linhas de crédito específicas e com juros mais baixos e, sendo assim, poder investir melhor no seu negócio e fazê-lo crescer mais rapidamente.

Tributos mais simples

Outra qualidade de ter o  MEI é dispor de  um modelo mais simples de tributação, com um valor por mês relativamente baixo e fixo no que se refere ao pagamento de impostos (INSS, ISS ou ICMS);

Emissão de nota fiscal

O MEI também pode emitir a nota fiscal eletrônica (NF-e), gerando mais segurança na prestação de serviços perante os órgãos públicos e  obter todo o apoio técnico do Sebrae.

Finalizando esse texto, aqui segue uma sugestão: elabore um plano de negócio, pois este documento define passo a passo o que é necessário para alcançar seus objetivos, além de identificar e restringir qualquer equívoco que possa ser cometido. Caso acredite ser necessário, fale com um profissional da contabilidade que poderá lhe ajudar.

Dica Extra do Jornal Contábil: MEI saiba tudo o que é preciso para gerenciar seu próprio negócio. Se você buscar iniciar como MEI de maneira correta, estar legalizado e em dia com o governo, além de fazer tudo o que é necessário para o desenvolvimento da sua empresa, nós podemos ajudar.

Já imaginou economizar de R$ 50 a R$ 300 todos os meses com toda burocracia, risco de inadimplência e ainda ter a certeza que está fazendo suas declarações e obrigações de forma correta.

E o melhor é que você pode aprender tudo isso em apenas um final de semana. Uma alternativa rápida e eficaz é o curso MEI na prática. Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que um MEI precisa saber para ser autônomo e nunca mais passar por dificuldades ao gerir o seu negócio.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.