Breaking News
recent

Rui disputar o Senado? Possível é, mas no cenário atual muito difícil. Falta vaga

 

Foto: Manu Dias/GOVBA
Foto: Manu Dias/GOVBA

 

E Rui Costa pode disputar o Senado em 2022? A pergunta, do leitor Jurandir Martinez, de Itapuã, em Salvador, é tão simples e direta como pueril.

Poder se candidatar, pode, como qualquer um. Mas com ele é pouco provável, por falta de vaga. Rui até se colocava à disposição do partido para uma candidatura presidencial, mas após a volta de Lula à cena, tirou o time. ‘Eu sou um soldado do partido’. Vai focar na questão local, até para tentar ajudar o próprio Lula.

Hoje, o leque de alianças que governa a Bahia tem no topo o PT com o próprio Rui, além de Jaques Wagner, o senador Otto Alencar (PSD), e João Leão (PP), o vice-governador. Wagner já disse que quer a cabeça da chapa; o mandato de Otto expira, e ele pode disputar a reeleição; o de Leão também, mas ele não pode mais ser vice, porque já reeleito.

O xis da questão

É aí que a porca torce o rabo. Otto quer disputar a reeleição? Diz a amigos que sim, mas se se pergunta a ele sobre isso, a resposta é suscinta:

— Só vou discutir o assunto em março de 2022.

E Leão, como fica?

— Estou com meu amigo Otto, só vou discutir isso em março de 2022.

Os dois sinalizam a intenção de manter a aliança, ainda mais com Lula em cena turbinando a candidatura de Wagner. A questão é a falta de vagas: restam o Senado e a vice, sendo que se configurar uma chapa por aí só é possível com Wagner governador, Otto vice e Leão para o Senado. Está difícil para Rui.

Levi Vasconcelos

Levi Vasconcelos é jornalista político, diretor de jornalismo do Bahia.ba e colunista de A Tarde.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.