Breaking News
recent

SÃO MIGUEL NÃO PAGA TÍQUETE-ALIMENTAÇÃO E ITABUNA FICA SEM ÔNIBUS

 


Os rodoviários da Viação São Miguel, a única que estava operando em Itabuna, cruzaram os braços nesta quinta-feira (26) para cobrar o pagamento do tíquete-alimentação. Os funcionários estão, neste momento, na garagem da São Miguel, no Loteamento Nossa Senhora das Graças, e só devem retornar ao trabalho após recebimento do tíquete.

A empresa deveria pagar o benefício até o último dia 20. Os rodoviários concederam mais prazo à empresa, vencido ontem (25), mas o valor não foi depositado. “Demos mais prazo para não dizer que somos inflexíveis, mas o acordo para o tíquete não foi cumprido”, disse ao PIMENTA o presidente do Sindicato dos Rodoviários de Itabuna, Arlensen Nascimento.

O sindicalista lembra que, pelo acordo com os rodoviários, a São Miguel pagaria o tíquete no dia 20 passado e o salário do período emergencial até o 5º dia útil de dezembro. “Estamos rodando a 18 dias sem o tíquete, sem nenhum recebimento”, observou Arlensen.

Aos rodoviários, a direção da São Miguel informou que iria até a Secretaria Municipal da Fazenda para tentar receber o pagamento de parte do valor do contrato emergencial do transporte coletivo e quitar o tíquete dos trabalhadores. Os trabalhadores só retornam após o pagamento.

CIDADE SEM ÔNIBUS 

A São Miguel voltou a circular há quase 20 dias após acordo com a Prefeitura para operar o transporte emergencial. Itabuna ficou mais de oito meses sem ônibus. Com o sistema emergencial, a São Miguel voltou a operar com 10 e depois 30 ônibus. A Sorriso da Bahia alegou falta de condições operacionais e permanece sem circular.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.