Breaking News
recent

PF prende três jovens baianos acusados de fraudes no auxílio emergencial

 

Três jovens de menos de 21 anos, moradores de Simões Filho, foram presos pela Polícia Federal na manhã dessa segunda-feira sob acusação de cometerem fraudes no auxílio emergencial. O grupo solicitou o benefício pelo aplicativo da Caixa no nome deles e de mais outros 59 nomes , sem a prévia autorização. Por meio de boletos, eles transferiam o auxílio para suas próprias contas e chegaram a desviar R$ 33 mil entre maio e junho.

O valor total roubado, no entanto, pode ter sido maior, segundo a Policia Federal. “Constatamos uma situação de continuidade de fraude com o FGTS emergencial, principalmente pelo líder do grupo. Vamos continuar investigando para descobrir se existem outros integrantes nessa quadrilha”, disse a delegada Suzana Jacobina.

Os jovens presos não tinham antecedentes criminais, são maiores de idade e viviam com os pais no bairro CIA 1 de Simões Filho. Junto com eles, cinco veículos foram apreendidos (alguns importados), assim como também foi autorizada a quebra do sigilo bancário dos investigados e o bloqueio dos valores depositados. Um outro carro também está com mandado de busca e apreensão aberto, mas não foi localizado pelos policiais. Os criminosos alegaram que o veículo foi vendido.

A família nega que tinha ciência da prática dos rapazes, mas o IP utilizado para criação das contas está no nome da mãe de um deles. Eles se declararam autônomos e chamou a nossa atenção o número de veículos com marcas importadas. Os pais conviviam com esse patrimônio do filho, que não é condizente como o que ele receberia como autônomo”, afirmou Jacobina. Ainda não se sabe como o grupo conseguiu ter acesso aos dados das vítimas.|

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.