Breaking News
recent

Inocente baleado no Sarinha morre no Base

 

Infelizmente, mais um inocente perde a vida devido a criminalidade em Itabuna. O estudante universitário Wallas Oliveira Santos Araújo, que tinha 34 anos, morreu no Hospital de Base. Ele foi vítima da guerra entre as facções criminosas Raio A e DMP, no dia 26 de setembro. Wallas teria ido se encontrar com amigos da faculdade no bairro Sarinha Alcântara, quando foi confundido com um delinquente, que faz parte da facção Raio A e, sem nenhuma chance de defesa, tomou vários tiros de pistola. Os tiros atingiram órgãos que ficaram comprometidos. Familiares e amigos chegaram a mobilizar uma campanha para doar sangue, mas na manhã desta quarta-feira (14), após 17 dias internado, ele não resistiu. É mais um sonho interrompido pelo mundo do crime na cidade. Wallas era morador do bairro Conceição, e a hipótese é que os tiros tenham sido deflagrados por membros da facção DMP. A família, amigos e a população Itabunense clamam por justiça. Será mais um crime de inocente que os assassinos ficarão impunes?. Em 10 anos, mais de 40 inocentes perderam suas vidas em Itabuna e, em 95% dos casos, os autores não foram presos. Esse é o 1° crime de Outubro. Em 2020, Itabuna chega a 62 homicídios + 28 bandidos mortos = 90 mortes violentas. (Taxa de 45,0 mortes violentas para 100 mil habitantes), uma das mais altas do Brasil, superando índices de capitais como: Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.