Breaking News
recent

Bispo é condenado a mais de 20 anos de prisão por estupro de adolescente de 13

 O bispo evangélico João Batista dos Santos foi condenado a uma pena de 20 anos e 6 meses de prisão por estuprar uma adolescente de 13 anos por pelo menos três vezes. A decisão foi tomada pelo juízo da Vara Criminal do Recanto das Emas. As informações são da revista Marie Claire.

O acusado já tinha recebido duas condenações por violação sexual mediante fraude, mas respondia aos processos em liberdade. A situação mudou em fevereiro, quando houve a nova denúncia e ele foi preso preventivamente.

Suspeito e vítima se conheceram em 2017, quando a garota procurou o bispo para lhe revelar que era lésbica. Ele então propôs passar um óleo para ungir o corpo dela, como uma forma de "cura gay". Essa técnica seria utilizada com todas as vítimas do líder religioso. Segundo a Marie Claire, a denúncia afirmava que, antes de abusá-la, João dizia amar a garota e que iria casar com ela.

"A conduta do réu trouxe à vítima problemas de saúde consistentes em crises de ansiedade e do pânico, bem como gerando a ocorrência de episódios de desmaios e necessidade de atendimento psicológico, aspectos que sugerem gravames que extrapolam o próprio dissabor decorrente dos atos libidinosos a que foi submetida", diz a sentença, segundo a Marie Claire.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.