Breaking News
recent

Mulher assassinada dentro de casa em Eunápolis foi morta pela amiga para roubar o bebê

A Polícia Civil de Eunápolis concluiu as investigações do crime em que foi vítima Sílvia Letícia Araújo Queiroz (foto), de 26 anos, encontrada morta dentro de sua casa no último dia 05 de janeiro. Na época do crime seu filho de apenas dois meses foi raptado.

Assim que o crime foi descoberto, a criança foi encontrada e devolvida á família de Silvia Letícia. As investigações da polícia apontaram Helainne Alves Vieira, de 23 anos, como autora do crime. O bebê estava com o namorado da acusada, que o devolveu a polícia.

Segundo a polícia, Helainne havia dito ao seu companheiro que estava grávida, para que o plano desse certo ela precisava de uma criança, por isso, ela matou Sílvia Letícia, da qual era amiga, para ficar com o bebê e apresenta-lo ao namorado como seu filho.

A autora é ex-companheira de um presidiário e fugiu da cidade, após ser descoberta. Após fugir, Helainne mandou mensagens para amigos confessando o crime. Ela já é considerada foragida da justiça. 

Após a conclusão do inquérito a polícia entrou com o pedido de prisão preventiva da acusada na justiça de Eunápolis. Helainne já tem passagem pela polícia por tráfico de drogas.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.