Breaking News
recent

Presidentes do MDB e PSC afirmam que negociações para chapas no interior estão em andamento


[Presidentes do MDB e PSC afirmam que negociações para chapas no interior estão em andamento]

Opresidente do MDB Alex Futuca, e pré-candidato a prefeito de Ibirataia, disse nesta sexta-feira (20) que as conversas do bloco formado por Solidariedade, PSC, MDB e PTB para composição de chapas no interior da Bahia encontram-se em estágio avançado para além da cidade de Ribeira do Pombal - embora estas cidades ainda não tenham sido anunciadas. 
"Com esse período de final de ano, logicamente que as coisas dão uma parada. Mas logo, assim que virar o ano, o bloco vai se reunir", disse durante encontro estadual do Republicanos. Anteriormente, o prefeito de Ribeira do Pombal Ricardo Maia (PSD) aderiu ao grupo. 
Em seu segundo mandato, o chefe do executivo municipal goza de 85% de aprovação junto ao eleitorado da cidade. "Estamos conversando ainda, e é bom ter cautela. Apesar de termos a formação de um bloco com as direções estaduais, todos esses partidos envolvidos respeitam também as questões municipais", completou o presente o presidente estadual do PSC, o deputado federal Heber Santana.
Também presente ao evento do Republicanos na manhã desta sexta, Santana também afirmou que no momento oportuno, "quando as coisas estiverem de fato engrenadas", os nomes serão divulgados. O parlamentar avaliou que há muitos municípios interessantes para ampliar a extensão do bloco, potencializando candidaturas do interior.
Assim como o presidente da Câmara de Salvador e pré-candidato à prefeitura de Salvador em 2020 Geraldo Júnior (Solidariedade), Futuca afirmou que os diálogos com o Republicanos, visando uma futura adesão da legenda ao grupo, seguem avançando "de forma positiva". Ele citou como exemplo deste avanço, uma conversa recente em Brasília com o presidente nacional Marcos Pereira, e com o deputado Marcio Marinho, presidente da legenda na Bahia.
"Acho que estamos no caminho certo. Nesse momento político, a política virou muito, e precisa ser muito na base da conversa, do carinho. Escutando as pessoas - sem necessariamente concordar", opinou. 
Ele negou que tenha ficado quaisquer ressentimentos após o presidente estadual do Republicanos ter negado que havia um movimento de aproximação entre os partidos.      
"Pelo, contrário, as relações tendem a se estreitar ainda mais", concluiu. No mesmo tom, Santana acrescenta que prova maior de que não houve desgaste é a presença dos representantes do bloco no evento realizado nesta manhã. "Não há nenhuma situação decorrente daquilo. Até porque acho que o que houve foi muito mais um mal entendimento

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.