Breaking News
recent

Família contesta versão da mãe de menina estuprada em Vila Canária: "Ela estava na farra"


[Família contesta versão da mãe de menina estuprada em Vila Canária:


Ivana Lago, tia de Agatha Sophia, de dois anos, que morreu após ser abusada pelo padrasto, no bairro da Vila Canária, em Salvador, no domingo (20), desmentiu a versão contada pela mãe da garota, Jéssica Santos, de que estava trabalhando no dia em que a filha foi abusada e morta pelo companheiro.
Segundo Ivana, no dia do crime, Jéssica estava na praia com amigas. "Ela nem trabalha. Ela é mentirosa. No domingo, ela estava na farra com as amigas na praia e depois foram para uma festa de paredão de som em Tancredo Neves", relatou durante o enterro da garota, na manhã desta terça-feira (22), no Cemitério Municipal de Pirajá.
Emocionada, Ivana, que é tia de Agatha por parte de pai, contou que o irmão foi morto em outubro de 2017. "É muito triste. Não tem nem dois anos que perdi o meu irmão durante uma ação da polícia, lá no bairro, e agora estou aqui enterrando a minha sobrinha. Conforme Ivana, Ítalo Roque Lázaro de Castro, foi morto em uma ação policial, também em Vila Canária.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.