Breaking News
recent

38 cidades baianas tiveram repasses federais suspensos por conta de dívidas.

   Repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) foram suspensos para 38 cidades da Bahia entre janeiro e julho deste ano por conta de dívidas com a Previdência.
   Segundo o jornal Correio, durante o período, os municípios deixaram de receber pelo menos uma das parcelas do benefício que é a principal fonte de receita das cidades de pequeno e médio porte.
   Um levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM) aponta que, em todo o Brasil, R$ 3,61 bilhões do FPM foram bloqueados por irregularidades, atingindo a economia de 663 das 5.568 prefeituras do país.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.