Breaking News
recent

Pesquisadores da Uesc criam mão mecânica de baixo custo

Um estudante e dois professores de engenharia mecânica da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) criaram uma mão mecânica de baixo custo. A prótese é resultado do trabalho de conclusão de curso do discente Tiago Santa Fé, sob a orientação dos docentes Erickson Fabiano Moura Sousa Silva e Victor Hugo Martins de Almeida. A ideia do projeto é tornar a prótese mecânica acessível às pessoas de baixa renda. O trabalho foi possível graças à impressora 3D de baixo custo montada pelos professores. Inicialmente, a prótese seria usada em animais amputados. No entanto, depois de uma conversa com a professora Elisângela Barboza da Silva, do curso de medicina veterinária, os pesquisadores perceberam que seria melhor desenvolver o aparelho para o uso humano. O modelo impresso pelo estudante foi o Flex Hand, que é parecido com uma mão real. O protótipo é leve, prático e barato. Custa R$ 50, enquanto uma prótese normal pode custar em torno de R$ 5 mil. O aprimoramento da prótese de baixo custo depende da aquisição de uma Scanner 3D, equipamento que a UESC ainda não possui. Já o início dos testes com humanos será possível após a avaliação do projeto pelo Conselho de Ética e Pesquisa da Universidade. A iniciativa também vai exigir uma parceria com pesquisadores de outras áreas do conhecimento, como: fisioterapeutas, psicólogos e médicos.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.