Breaking News
recent

A atração especial de Jaques Wagner por relógios de luxo

Edilson Dantas
Edilson Dantas
A PF apreendeu hoje 15 relógios de luxo na casa de Jaques Wagner — ao menos assim a PF os qualificou. O ex-ministro de Dilma negou que os relógios fossem de luxo. 
Wagner tem, de fato, um histórico, uma queda toda especial por relógios de luxo.
Duas histórias reforçam essa ideia.
O ex-lobista da Odebrecht Claudio Melo Filho disse em sua delação que deu um relógio de US$ 20 mil no aniversário de Wagner.
Na ocasião que o mimo veio a público, Wagner reagiu assim:
— Para dizer a verdade, eu guardei e nunca usei, eu uso outro tipo de relógio.
A outra vez em que a atração de Wagner por relógios veio à tona foi pelas mãos do consultor de crises Mario Rosa.
Em seu livro "Entre a glória e a vergonha", lançado no ano passado, Rosa relata um fato de que foi testemunha num restaurante em Barcelona. 
Era uma noite em que Wagner, então governador eleito da Bahia, jantava ao lado de Geddel Vieira Lima e do então presidente do Barcelona, o enrolado Sandro Rosell:
— (...) Quando chegou ao restaurante, Sandro usava um vistoso relógio (...) O governador elogiou a beleza da peça. Sandro o tirou do pulso na hora e ofereceu de presente. O governador correu pro abraço.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.