Breaking News
recent

Sem salário, funcionários do Hospital Alayde Costa cruzam os braços no Subúrbio


Os funcionários do hospital Hospital Alayde Costa, no Subúrbio Ferroviário de Salvador, resolveram cruzar os braços nesta quarta-feira (17). Eles reclamam do atraso no salário há dois meses e também apontam falta de condições para o trabalho.
O Sindicato dos Trabalhadores em Saúde da Bahia (Sindsaúde-BA) acompanha o protesto na Rua Ladeira Da Terezinha, no bairro Alto da Terezinha nesta manhã.
Em nota, a direção da Pró-Saúde, terceirizada que administra o Hospital Alayde Costa, afirma que as ações de paralisação de profissionais da saúde "têm relação direta ao momento econômico atual que atravessa o país" e afirma que está conversando com a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) para resolver o impasse.
"Os pagamentos do poder público têm sido feitos de acordo com a disponibilidade de recursos e orçamento disponível que, em momentos pontuais, gerou desequilíbrio nos contratos de gestão. A direção informa que tem estado em tratativas com a secretaria para uma definição tão logo possível", diz a gestora do hospital.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.