Breaking News
recent

Papa Francisco pede perdão por abusos sexuais de religiosos no Chile


Em visita ao Chile, o Papa Francisco pediu perdão pelos abusos sexuais cometidos por religiosos pedófilos no país. “Não posso deixar de manifestar a dor e a vergonha que sinto ante o dano irreparável causado a crianças por parte de ministros da Igreja”, declarou o pontífice. O discurso foi bem recebido por políticos, mas não foi suficiente para impedir as contestações que se espalham pelo território chileno durante sua visita. Na primeira missa do líder do Vaticano no país, celebrada no Parque O'Higgins, em Santiago, ao mesmo tempo em que 400 mil fiéis acompanhavam a liturgia papal que pregava "paz" e "reconciliação", líderes de organizações sociais gritavam palavras de ordem e foram reprimidos pela polícia. Desde antes da chegada de Francisco, nove igrejas registraram ataques a bomba no Chile, em protesto aos abusos cometidos por sacerdotes.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.