Breaking News
recent

Chuva de 170 milímetros alaga pelo menos 40 casas no interior de MS


Em três dias, as intensas chuvas atingiram o volume de 170 milímetros e alagaram pelo menos 40 casas em Porto Murtinho – a 431 quilômetros de Campo Grande. Na véspera do Natal (24), algumas famílias precisaram deixar suas casas e ir para residências de parentes até que a situação se normalize.
Conforme moradores, a região mais afetada é a da Cohab onde foi feita uma grande retirada de terra no passado favorecendo o grande acumula de água. Para solucionar os constantes alagamentos foram instaladas bombas de drenagem com canais de escoamento.
Uma das principais “artérias” para o escoamento é a avenida Laranjeira, que segue até a casa das bombas. Contudo, a população reclama que estes canais estão “entupidos” com vegetação o que prejudica o trabalho das bombas e prolonga a situação dos moradores ilhados.
De acordo com o prefeito do município, Derlei João Delevatti (PSDB), a situação mais crítica foi registrada ontem (24) quando famílias foram orientadas pela Defesa Civil e assistentes sociais a deixarem suas casas e ir para residências de parentes. “Nestes três dias choveu 170 milímetros. Como o solo já está encharcado acaba acontecendo o alagamento. Nesta região, as bombas já foram ligadas e hoje (25) notamos que o volume de água já abaixou”, explica o prefeito.
E as chuvas devem dar trégua apenas na quarta-feira (27), no entanto, conforme o Inmet (Insituto Nacional de Meteorologia) o fenomêno deve voltar a ocorrer no fim da semana. (Colaborou Toninho Ruiz). Segundo moradores canais de escoamento que levam a bombas estão sujos (Foto: Toninho Ruiz)Segundo moradores canais de escoamento que levam a bombas estão sujos (Foto: Toninho Ruiz)

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.