Breaking News
recent

A Seleção do Campeonato Brasileiro de 2017



O Brasileirão 2017 chegou ao fim no último domingo e, depois da já tradicionais seleções da rodada, trazemos a Seleção do campeonato: aqueles que se destacaram com regularidade ao longo do torneio.

Confira!

1. Vanderlei (Santos)


Vanderlei atuou com regularidade pela terceira temporada consecutiva e foi peça fundamental para que o Santos terminasse como a segunda melhor defesa do Brasileirão, com apenas 32 gols sofridos.

2. Jonathan (Atlético-PR)


O lateral-direito de 31 anos do Atlético-PR foi uma das armas da equipe ao longo do Brasileirão, com assistências e até gols importantes, como os dos jogos contra Corinthians e Fluminense.

3. Balbuena (Corinthians)


O zagueiro paraguaio foi um pilar na defesa corinthiana (a melhor do campeonato, com 30 gols sofridos) e ainda ajudou na campanha do título com importantes gols de cabeça.

4. Geromel (Grêmio)


Outro jogador que manteve a regularidade das temporadas anteriores e ajudou o Grêmio a ter a terceira melhor defesa do Brasileirão, com 36 gols sofridos.

5. Guilherme Arana (Corinthians)


O segundo turno de Guilherme Arana pode não ter sido tão bom quanto o primeiro, mas o jovem lateral-esquerdo foi decisivo para o título do Timão, especialmente com assistências.

6. Arthur (Grêmio)


Grande revelação do Brasileirão, o jovem volante do Grêmio chamou atenção pela maturidade do seu futebol dinâmico e pela capacidade de comandar o meio-campo.

7. Hernanes (São Paulo)


Grande responsável pela recuperação do São Paulo no Brasileirão, Hernanes terminou o campeonato com nove gols e três assistências - e um lugar na seleção do Brasileirão.

8. Zé Rafael (Bahia)


Outra revelação importante do campeonato, Zé Rafael se destacou no Brasileirão por ser um dos líderes de desarmes do torneio e pela importância na construção das jogadas.

9. Luan (Grêmio)


Um dos melhores jogadores brasileiros da temporada, Luan marcou seis gols e deu seis assistências durante o Brasileirão mesmo sem atuar em diversas partidas do torneio por conta da Libertadores.

10. Bruno Henrique (Santos)


Segundo melhor assistente do Brasileirão, com 11 passes para gol, Bruno Henrique ainda balançou as redes oito vezes no campeonato.

11. Jô (Corinthians)


Artilheiro da competição ao lado de Henrique Dourado, com 18 gols, o experiente Jô deu a volta por cima no Corinthians e foi o principal jogador do título brasileiro da equipe.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.