Breaking News
recent

STF julga nesta quarta pedido de Temer para suspender curso de eventual denúncia da PGR



O pedido feito pelo presidente Michel Temer (PMDB) para a suspensão do andamento de uma eventual nova denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) será julgado nesta quarta-feira (13) pelos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). A defesa de Temer tem interesse em adiar o possível rito até que sejam analisadas supostas irregularidades no acordo de colaboração premiada do grupo J&F. Eles também questionam a atuação do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, à frente do caso. Diante das suspeitas, o titular da PGR ameaçou retirar os benefícios dos delatores do grupo empresarial e pediu a prisão dos irmãos Joesley e Wesley Batista e do empresário Ricardo Saud (saiba mais aqui e aqui). O pedido foi encaminhado ao Plenário da Corte pelo ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF, que decidiu submeter o agravo regimental interposto pelos advogados do presidente ao colegiado da Corte.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.