Breaking News
recent

Palocci colocou-se deliberadamente a serviço da perseguição político-eleitoral


[Palocci colocou-se deliberadamente a serviço da perseguição político-eleitoral]

Na sexta-feira (22), o Diretório Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT) decidiu suspender por 60 dias das atividades partidárias o ex-ministro da Fazenda e da Casa Civil Antonio Palocci. Segundo a revista Veja, o motivo da medida é o depoimento de Palocci ao juiz federal Sergio Moro em um processo da Operação Lava Jato, no qual o ex-ministro disse que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva firmou um “pacto de sangue” com a Odebrecht em troca de um “pacote de propinas”, que incluía 300 milhões de reais em propina para “atividades políticas”.
“Ao mentir, sem apresentar provas e seguindo um roteiro pré-estabelecido em seu depoimento na 13ª Vara da Justiça Federal, em Curitiba, no último dia 6 de setembro, Palocci colocou-se deliberadamente a serviço da perseguição político-eleitoral que é movida contra a liderança popular de Lula e o PT. Desta forma, rompeu seu vínculo com o partido e descomprometeu-se com a sua militância”, diz a resolução aprovada nesta sexta.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.