Breaking News
recent

Funaro Diz Ter Buscado R$ 1 Mi De Temer E Mandado A Geddel Em Salvador



O doleiro Lúcio Funaro disse no anexo 8 de sua delação que buscou uma caixa com R$ 1 milhão no escritório de José Yunes, ex-assessor especial e amigo de Michel Temer. O dinheiro pertenceria a Temer a partir de um acordo de caixa 2 com a Odebrecht. A quantia foi remetida a Salvador, mais especificamente para o ex-ministro da Secretaria de Governo Geddel Vieira Lima (PMDB-BA), outro amigo íntimo do presidente da República, segundo o delator. 

"Dirigentes da Odebrecht utilizaram o doleiro Alvaro Novis para fazer com que os valores destinados a Temer chegassem nas mãos de Yunes", contou Funaro na delação. Ele disse ter recebido uma ligação de Geddel, com um pedido para que "retirasse a remessa de R$ 1 milhão". "Geddel informou que precisava que os valores fossem enviados para Salvador. Geddel lhe informou que o dinheiro que iria retirar com José Yunes era referente a uma doação via caixa dois, da Odebrecht, acertada juntamente com Eliseu Padilha e Michel Temer", registra o anexo 8.

Já em seu escritório, Funaro pediu a um funcionário para que fosse até Salvador entregar a quantia a Geddel. "O dinheiro foi entregue em Salvador por um funcionário de logística de transporte de valores do doleiro Tony, o qual retirou os valores em São Paulo e no dia seguinte fez a entrega em Salvador na sede do PMDB da Bahia", finaliza o relato sobre este episódio específico. A informação é do jornal O Globo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.