Breaking News
recent

Comissão abre investigações sobre Moreira Franco por conflito de interesse




A Comissão de Ética da Presidência da República abriu nesta segunda-feira (18) investigações sobre o ministro da Secretaria-Geral, Moreira Franco, para apurar se ele violou a legislação sobre conflito de interesse. De acordo com a coluna Poder, da Folha,  os dois procedimentos abertos referem-se a acusações presentes na denúncia oferecida na semana passada pela PGR (Procuradoria-Geral da República) por obstrução judicial e organização criminosa.  

Segundo o presidente do órgão federal, Mauro Menezes, em uma das investigações será apurado se o peemedebista favoreceu as empresas Betim e Odebrecht. A última teria sido beneficiada na concessão do aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro.
No segundo procedimento, será investigado se o ministro favoreceu a mesma empreiteira diante do fato de seu filho, Pedro Moreira Franco, ter atuado como diretor da empresa investigada no rastro da Operação Lava Jato.

Ainda segundo a Folha, caso seja provada a conduta irregular de Moreira, o código da alta administração federal prevê tanto uma simples advertência como recomendação de exoneração ao presidente Michel Temer. A comissão de ética deu prazo de dez dias ao ministro para apresentar sua defesa, a contar pelo recebimento dos ofícios.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.